makoto nodaO vereador Julinho Fuzari entrega o Título de Cidadão Benemérito ao Comandante Tenente-Coronel Marcos Makoto Noda. Foto: Oscar Jupiraci

O título, em merecimento aos serviços prestados à cidade, foi entregue pelo vereador Julinho Fuzari em uma sessão solene realizada na Câmara Municipal, na quinta-feira, 21 de julho.

 

Em seu pronunciamento, Fuzari, autor do Decreto Legislativo n° 1.488, de 14 de abril de 2016, que instituiu a cerimônia, elogiou o desempenho profissional do homenageado. “Nós, que estamos em contato com a população no dia a dia, sabemos o quanto é eficaz, em nossa região, a atuação do 40° Batalhão da Polícia Militar Metropolitano, comandado pelo tenente-coronel Marcos Makoto Noda. Quero parabenizá-lo pelo empenho, pela inteligência e pela competência em nos atender da melhor forma possível”.

 

O vereador falou ainda sobre o reconhecimento da função desempenhada pela corporação. “Temos que valorizar instituições como a Polícia Militar. Tenho feito isso durante meu primeiro mandato nesta Casa de Leis e continuarei a fazê-lo. É preciso capacitar, instrumentar e aprimorar cada vez mais esse trabalho. Para seguir essa difícil carreira, o soldado passa por uma formação de valores, de ideais, de amor à Pátria. É preciso resgatar esses princípios de outrora”.

 

Em um plenário repleto de convidados, o tenente-coronel Marcos Makoto Noda ressaltou a importância da amizade. “Fico muito à vontade para falar nesta tribuna porque não vejo pessoas desconhecidas. Todos que estão aqui sempre me acompanharam e estiveram presentes em minha vida. Durante esses trinta e um anos na Polícia Militar, fiz vários amigos e continuo fazendo novos. Costumo repetir o seguinte: não conseguimos nada sozinho. A gente não conquista nada nessa vida se não tiver amigos próximos. Fico muito honrado e agradeço a todos por terem comparecido”.

 

Na mesa de honra, o vereador Julinho Fuzari, presidente da Comissão Organizadora; o tenente-coronel da Polícia Militar Marcos Makoto Noda,  comandante do 40° Batalhão de Polícia Militar Metropolitano; a desembargadora do Tribunal de Justiça de São Paulo, Maria Laura de Assis Moura Tavares; o coronel da PM, Mauro Cezar dos Santos Ricciarelli, comandante de policiamento rodoviário; o coronel da PM, Marcelo Cortez Ramos de Paula, comandante do policiamento de área metropolitana 6; o cônsul do Japão para assuntos policiais, Takashi Horii;  o diretor e secretário-geral da OAB São Paulo, subseção São Bernardo do Campo, José Roberto Gil Fonseca e o subtenente do Exército Brasileiro, Antônio Gomes de Lima, chefe de instrução do Tiro de Guerra de São Bernardo do Campo.

 

O homenageado

O tenente-coronel Marcos Makoto Noda nasceu em Adamantina, no interior de São Paulo, no dia 15 de setembro de 1964.  

Começou suas atividades no ano de 1983, servindo como voluntário no Tiro de Guerra 02.080 do Exército Brasileiro, onde adquiriu os princípios básicos do militarismo.

Dois anos depois, já na capital paulista, ingressou como cadete na Academia de Polícia Militar do Barro Branco, permanecendo até 1987, onde se formou aspirante a oficial de Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Em 1988, foi classificado no 16º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano. No mesmo ano, foi promovido ao posto de 2º Tenente da Polícia Militar.

Na década de 90, fez parte da equipe de Oficiais do Corpo de Bombeiros, classificado no 2º Grupamento de Busca e Salvamento. Na mesma época, chegou ao posto de 1º Tenente da Polícia Militar.

Durante os dezesseis anos em que serviu no Policiamento Ostensivo, assumiu as funções de Comandante de Companhia, Coordenador Operacional, Subcomandante de Batalhão e Comandante de Batalhão.

Atualmente, exerce a função de Comandante do 40º Batalhão da Polícia Militar.

 

Clique aqui e veja as fotos do evento.